2 de jun de 2016

Its Electric Recomenda: Discos Para Curtir #7

Pegando carona no Discos para Curtir #6, montei mais uma seleção com discos de nomes mais recentes do Blues, Rock e Metal com o intuito de mostrar que estamos em uma safra boa, com grandes nomes em meio a uma enxurrada de lançamentos, em uma cenário amplamente fragmentado com diversos estilos e propostas. Vivemos novos tempos, novos hábitos e evidentemente novas formas de expressão dentro da música.

Divirtam-se e tirem a poeira de vossos ouvidos.


Violator - Scenarios Of Brutality (2013)




Os brazucas praticam um Thrash Metal visceral influenciado pelo Hard Core com a cara  dos anos 80 e 90, veloz, agressivo, o Violator pode ser considerada uma banda da nova safra, uma vez que teve seu debut em 2004 e tem 2 discos lançados e 2 Eps. A maturidade vem melhorando o som e as composições, Scenarios Of Brutality é um disco energético que bebe das fontes como Slayer, S.O.D e Anthrax  diversão garantida. Destaques: Echoes Of Silence, Death Descends (Upon This World) e Unstopable Slaughter .


Striker - City Of Gold (2014)




Um bom nome do Canadá, o Striker pratica um Heavy Metal puxado para os clássicos com uma dose extra de peso e distorção , riffs bem marcantes, excelentes melodias e um vocalista competente, as influências de Hard Rock também adicionam um troque especial, cativante. Tudo executado de maneira profissional, um bom nome da nova safra. Destaques: City Of Gold, Bad Decisions e All I Want


RED SUN RISING - EP (2015)




O Quinteto de Ohio (EUA) pratica um som que vem sendo chamado de post Grunge, um rock alternativo, pesado com influência da turma de 90's de Seattle. O Red Sun Rising se assemelha ao Alice In Chains entretanto sua sonoridade conversa mais com a do Godsmack (também influenciada pela turma de Cantrell e Stanley). Vale dar uma orelhada. Destaques: Push, Te Otherside e Amnesia (Ep completo)


Kenny Wayne Shepherd - How I Go (2011)




Nem só de Joe Bonamassa vive o novo Blues, Kenny Wayne Shepherd é um guitarrista completo e super competente, toca muito e compõe muito bem, já tem uma carreira consolidada. Mesclando o som clássico com influências rockeiras, Kenny acerta a mão e tem um time de apoio de primeira, principalmente o excelente vocalista Noah Hunt. How I Go é um belo petardo para quem gosta de música bem feita. Destaques: Come On Over, Cold e The Heat Of The Sun


Postar um comentário