9 de set de 2008

Nevermore por um fio?

Esses dias estou me recuperando de uma cirurgia, e como estou sem treinar, aproveitei para revisitar a discografia do Nevermore e seus membros após o expediente na Empresa.

E como essa banda ao longo dos seus 14 anos conseguiu resultados incríveis, com uma sonoridade marcante, viajando entre o Thrash, o Progressivo, o Gothic Rock dos anos 80.
Uma Interessante massa sonora capaz de hipnotizar os ouvintes através através das melodias melancólicas da Voz única de Warrell Dane e a Guitarra virtuosa e versátil de Jeff Loomis, o melhor guitarrista surgido no Heavy Metal nos ultimos anos.

Porém parece que as coisas no Nevermore, que lançou seu último trabalho de estudio, This Godless Eddeavor em 2005, andam balançadas.

Dane lançou seu primeiro disco solo nesse ano de 2008, o bom " Praises To War Machine" e até andou agendando alguns compromissos, assim como Jeff |Loomis com o intrumental "Zero Order Phase" . O Primeiro carrega a melodia e o segunda a técnica e o peso... Fragmentos do Nevermore.

Os boatos dão conta que o DVD anunciado recentemente, e mais um álbum de inéditas, podem ser o canto do cisne para o Nevermore, eu estou torcendo para que seja apenas boato!

Vou colocar alguns reviews dos albuns em breve.

Ao som de Criate the Infinite do álbum Enemies of Reality.

4 de set de 2008

Os solos de guitarra voltaram e o Metallica tb!

E não é que a franquia do Guitar Hero e Rock Band fizeram muito bem a industria da música, principalmente ao Rock e o Heavy Metal?

Os solos de Guitarra voltaram aos músicas, os acordes mais sofisticados, melodias, harmonias quebrando todo aquele padrão estético do fim dos anos 90 inicio dos 2000, no qual não se ouvia mais a banda em si, e sim refrões e riffs de poucos acordes.

Tudo issos graças a enorme popularidade da franquia! Ainda bem!

Aliás na onda, o Metallica tambem voltou, e muito bem ouçam Death Magnetic, o álbum de 2008!